frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

domingo, 23 de fevereiro de 2014

TPM



TPM

Não queira ser o sol
Pois serei chuva
Fria, intensa e perigosa.
Nem pense em dar-me rosas!
Não seja carinhoso e sincero
Não diga  apenas as palavras que espero.
Não venha me olhar com compreensão
Deixe que eu me afogue em minha irritação!
Deixe eu ter a última palavra então,
Pois eu preciso ter sempre razão.
Não se sente no meu sofá
Como se fosse seu melhor lugar.
Não antes que lhe diga o que está engasgado
Não antes que lhe atire todos os pratos
E lhe conte todos os meus pecados...
Permita que eu extravase minha raiva contida,
Mandando-lhe embora da minha casa e da minha vida
Sem querer nem beijo de despedida.
Não diga que me ama... Não agora,
O melhor mesmo é você ir embora.
Mas volte amanhã... rsrs.

( NLC )

Nenhum comentário: