frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

UM LUGAR PRA RENASCER

Há de haver um país
Um lugar de ser eu mesma
Onde eu possa ser feliz
Sem ter cartas sob a mesa
E  soltar os pensamentos 

Sem nada precisar temer
Reciclar os sentimentos
E sentir-me renascer
Sem quebrar o encantamento
E jamais ter que crescer...



País onde não haja cobranças
E a gente possa viver sem medo
Onde de manhãzinha chova esperança

E à noite aconchego
Onde o coração é o governador
E a poesia a língua oficial

Moeda válida de troca, só o amor
Nesse mundo surreal.

NLC Poesias

2 comentários:

Samuel Balbinot disse...

Bom dia querida Nara..
uma poesia que me remete a pensamentos que tb busco ter..
pq não podemos ter um lugar assim.. o temos dentro de nós certamente, mas ainda não conseguimos acessar..
gostaria que assim fosse, a moeda de troca sendo a poesia.. deviam dar mais valor a versos lindos que a gente faz.. do que músicas vazias de certo ritmo que tanto toca e não e é a podridão que todos passam a mão.. bjs querida

Denis dos Santos disse...

uau, q seja esse mundo a singela realidad q pintast... e sejas sempr a eterna menina dos olhos do poeta, bjs