frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

quinta-feira, 19 de março de 2015

SOBRE_VIVENTES




Com o tempo, a gente aprende
a medida que nos cabe na doação,
a linha que divide o prazer da ferida,
a melhor forma de vivermos a vida (Lu). 

Os dias vão nos mostrando
O limite permitido
É a vida ensinando
Dando tons ao colorido (NLC). 

E nada nos tira o tom
E nada mais nos rouba a forma
Porque a paciência é o dom
Que antecede todas as normas. (Lu)

Com paciência e respeito
É mais fácil caminhar
Sabemos que ninguém é perfeito
E é tão fácil julgar(NLC) 

Porque somos todos sobre_viventes
Moldados por dores e prazeres
Com erros e acertos sempre rentes
E uma vida inteira para aprender. (Lu)

E as tantas batalhas da vida
Servem para irmos aprendendo
Que em tudo que ela nos ensina
Inclusive quando perdemos... (NLC)

Lu Mansanaris & NLC

2 comentários:

Lucy Mara Mansanaris disse...

Foi muito divertido e fácil fazer esse duo com você, talvez seja por causa dessa amizade que a cada dia se torna mais forte.
Adorei demais, obrigada pela honra, pela paciência, por tudo... rs...

Fica bem, *e me desculpa as ausências.

Um beijão

Angelo disse...

"Os dias vão nos mostrando / o limite permitido / É a via nos ensinando / dando tons ao colorido": sábias palavras, poetisa! Adoro os seus versos, parabéns!