frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

quarta-feira, 15 de junho de 2016

LETRAS CARINHOSAS



Tua voz tem o aroma de mil rosas
Em teu perfume embriago-me de vida
Quero contigo noites mais preciosas
E adormecer em teus braços querida; (SB)

Visto tua alma com cores formosas
És uma primavera colorida...
Jardim de sonhos, de flores viçosas...
De pureza sem fim, enaltecida; (SB)

Com palavras tão belas e amorosas
Escreveste alegria em minha vida
Trazendo doces letras carinhosas (NLC)

Inda que tanto inverno em mim persista
Pois Fizeste a minh’alma já chorosa
Encontrar a esperança antes perdida (NLC)

Samuel Balbinot & NLC Poesias

4 comentários:

Ana Bailune disse...

Linda!
Parece uma canção!

Samuel Balbinot disse...

Bom dia poetisa querida..
ficou muito belo não é...
que mais desses possam surgir..
palavras que vão nos moldando dia a dia bjs e feliz sempre Nara

Cidália Ferreira disse...

Amo tudo o que escreve. Parabéns por mais uma pérola.

Dia feliz. Beijo!

Coisas de Uma Vida 172

RACIONALISMO - ERA OU SEMPRE FOI? disse...

Maravilha d escrito, parabéns mineira da poesia