frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

sábado, 27 de agosto de 2016

Fênix



Em tempos de agosto, e desgosto
É hora de despedida, enfim...
Eu sinto que renasço pouco a pouco
Já é primavera dentro de mim!!

(NLC Poesias)

2 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Um bom sinal. Adorei :-)
Beijo, bom Domingo.
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Teacher Angelo disse...

Primavera repleta de inspiração (...), anjo!