frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

terça-feira, 27 de setembro de 2016

DUETO ALÉM DAS SIGLAS




Permita-me tuas páginas folhear

Desvendar enigmas nas entrelinhas

Escrever um capítulo com minhas

Palavras que irão lhe esquentar (I.M.)



As tuas palavras me causam arrepios

Quando ditas baixinho em meu ouvido

Os teus toques levam-me ao delírio

Quando folheias o que em mim tens escrito ( NLC)



Trocando versos, nasce um dueto

Que logo se eterniza a cada leitura

O sentimento dá um toque perfeito

Em harmonia de sons e estrutura ( I.M)



Perfeição existe em todas as letras

Desse alfabeto que me presenteia

E nesse dueto de rimas tão perfeitas

Teceremos nossos versos feito teias ( NLC)




Te respiro, transpiro... Me inspiro

Nossa dança segue no mesmo passo

Em meio à balada lírica, um suspiro

Que faz dessa poesia um lindo laço ( I.M)



Eu sigo os teus passos nessa melodia

Como sigo os teus versos e suas rimas

Faço dessa  dança a nossa poesia

Te desvendo pouco a pouco minhas siglas ( NLC)



( Ismael Marck & Nlc Poesias)




OBS: Esse dueto faz parte do livro "Desígnios & Desejos",  que será lançado pelo poeta Ismael Marck brevemente! Senti-me muito feliz e honrada com o convite para essa pequena participação

Um comentário:

Cidália Ferreira disse...

Simplesmente fantástico!


Beijo
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/