frase

Palavra alguma vale o delírio de ser poema sem ser alívio...

quarta-feira, 7 de junho de 2017

SÍNTESE DO PRAZER




Síntese de lábios e beijos 
Sinas de amor e desejo 
Fogo ardendo por dentro
Lírico amor sem pejo  (Edy)


Sigo o caminho por seu corpo
A cada centímetro percorrido
Na ponta da língua o seu gosto
Desvendo atalhos escondidos  ( NLC)


Fico atento aos seus sentidos
Desperto minuciosos gemidos 
Orgasmos inéditos e renascidos 
O seu prazer sacia a minha libido  ( Edy)



E faço de cada movimento uma tortura
Lentamente quase te faço sofrer
Mãos e lábios que te levam à loucura
E o alvo dessa busca é só prazer  ( NLC)


NLC Poesias  & Edy simão




2 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Muito bonito!

Beijinhos

blogdalinda disse...

Muito bom. E de cada movimento uma tortura